O Problema das Estimativas em Projetos

23 de Abril de 2015

Peter Drucker, pai da administração moderna, tem uma frase que costumo dizer em minhas palestras: “A melhor maneira de prever o futuro é cria-lo” 짧은 동영상 다운로드. Complemento com um ditado Iídiche: “O homem planeja, Deus ri”. Ou seja, planejar é fundamental, mas existem riscos que precisam ser gerenciados 다운로드.

 

No planejamento, um dos maiores desafios é o de fazer estimativas. Costumo brincar dizendo que a técnica mais usada no mundo para fazer estimativas é o C.H.U.T.E 까이유. (Cálculo Hipotético Utilizando Técnicas de Estimativas). O que nos faz melhorar as estimativas?

 

1) Ter histórico de projetos e adaptá-lo para cada cenário;

2) Usar estimativa de 3 pontos (otimista, pessimista e mais provável);

3) Obter estimativa de quem vai executar a tarefa;

4) Identificar, Analisar e Responder aos Riscos do projeto;

5) Trabalhar com estimativas probabilísticas e não determinísticas, utilizando simulação de Monte Carlo 다운로드.

 

A Revista PM Network de abril de 2015 traz o artigo “Oito erros de estimativas comuns — e como evitá-los”, disponível em http://www.pmnetwork-portuguese.com/pmnetworkpt/abril_2015#pg56 다운로드.

 

Carlos Magno da Silva Xavier (D.Sc., PMP)

Diretor do Grupo Beware, foi eleito, em 2010, uma das cinco personalidades brasileiras da década na área de gerenciamento de projetos 다운로드. É autor/coautor de quatorze (14) livros, professor da FGV e consultor de diversas empresas.

× Como podemos ajudar?