REVISTA GIP4 – GERENCIAMENTO INTEGRADO DE PROCESSOS, PROJETOS, PROGRAMAS E PORTFÓLIO – JULHO/ 2015

  •  1 - O Gerenciamento de Projetos e o Passeio de Cruzeiro

foto 1Um cruzeiro no oceano é um excitante passeio. Ao embarcar, você vai aos andares mais altos e checa a suntuosidade dos aposentos e a beleza dos buffets? Ou você vai para baixo e inspeciona a sala de máquinas, os geradores e o casco do navio, e entrevista o comandante e sua tripulação? É natural você atentar para os primeiros detalhes, mas que características da embarcação irão manter você flutuando e vivo?

Você se depara com as mesmas coisas no Acompanhamento de projetos. É difícil imaginar o que pode falhar, difícil de investigar e algumas vezes impossível obter respostas diretas. Mas o seu desconhecimento não elimina os riscos. O Monitoramento e Controle do projeto irá determinar se você irá afundar, nadar ou navegar.

Um dos resultados do PMI´s Pulse of the Profession 2015 é a importância dos relatórios de progresso para o melhor desempenho dos projetos. O relato do progresso de um projeto não deve ser confundido com a emissão de relatórios, principalmente em papel, e a realização de reuniões de status.

Também a pesquisa apontou que somente metade das organizações são bem suportadas por relatórios de progresso regulares.

Hoje dispomos de tecnologias que permitem não só a apresentação do andamento do projeto em vários dispositivos (PC, tablet, celular etc.), mas também a consulta detalhada de forma a que possa ser verificada a verdadeira razão dos desvios em relação ao planejado.

Se você está acompanhando o projeto somente por meio de apresentações do powerpoint em reuniões periódicas, não parece que você só está indo nos andares mais altos e checando a suntuosidade dos aposentos e a beleza dos buffets?

Por: Carlos Magno Xavier - magno@beware.com.br

  •  2 - O Project Management Institute (PMI) aprova a Beware como consultoria especializada em Gerenciamento de Projetos, Programas e Portfólio

pmi_consultan_registry_logo_2cA Beware acaba de conquistar um reconhecimento importante: a empresa recebeu o selo de aprovação do Registered Consultant Program (RCP) do Project Management Institute (PMI), maior organização mundial em gerenciamento de projetos, presente em mais de 160 países. Somente dez empresas genuinamente brasileiras têm esse reconhecimento.

Como a Beware já tinha o selo Registered Education Provider (REP), também do PMI, ela é uma das dez empresas brasileiras consideradas aptas pelo PMI para prestar serviços de qualidade em consultoria e treinamento na área de gerenciamento de projetos, programas e portfólio.

  • 3 - Webinar Gratuito - Gestão Profissional de Riscos: O uso da Simulação de Monte Carlo na proposta comercial e na gestão do orçamento e de prazo do projeto

O gerenciamento de projetos é uma prática milenar. Nos últimos dez anos temos verificado no Brasil um investimento crescente em capacitação em gerenciamento de projetos. Porém, as Organizações relatam, na pesquisa PMSURVEY.ORG de 2014, que na maioria das vezes ou sempre elas não alcançam os objetivos de tempo, custo, qualidade e satisfação do cliente em seus projetos. Esses objetivos são definidos quando da proposta do projeto. Além disso, apenas 32% das Organizações possuem um processo formal para gestão de riscos. Veja nesta apresentação como calcular o prazo, o custo e as reservas financeiras do projeto, associando a probabilidade de conclusão no prazo, no orçamento e com a margem de lucro esperada, utilizando a Simulação de Monte Carlo.

Para assistir ao webinar, apresentado pelo diretor da Beware Luiz Fernando da Silva Xavier (xavier@beware.com.br), clique aqui.

  • 4 -  Gerentes de Projetos são ou estão escravos da própria carreira?

gp escravoAs equipes de projetos estão recebendo metas cada vez mais desafiadores de prazo, custo e resultados para o negócio. Junte-se a isto uma geração de gerentes de projetos muito competitiva (na faixa dos 25 aos 35 anos) e temos: aos 25: Omeprazol, aos 30: Rivotril, aos 35: Stent. Estou hoje com 56 anos e não me lembro de nenhum amigo meu comentar, lá pela faixa dos vinte e poucos anos, que tinha dificuldade para dormir.  Infelizmente vejo muito disto acontecendo.

Ao ler o artigo “A triste geração que virou escrava da própria carreira” (http://vida-estilo.estadao.com.br/blogs/ruth-manus/a-triste-geracao-que-virou-escrava-da-propria-carreira-2/), me lembrei de alguns alunos e colegas de gerenciamento de projetos que venho encontrando nos últimos anos. Estou sempre perguntando para eles: qual é a prioridade em sua vida pessoal? Não a de curto prazo, mas sim a de longo prazo?

Normalmente estão com o foco errado de vida e se cobrando além do necessário. Entendo que a pressão é grande, mas parem para pensar se muitas vezes ela é realmente necessária. Costumo dizer que “Urgente é tudo aquilo que algum incompetente deixou de fazer na hora certa”. Se tem algo que é “para ontem” é porque alguém não planejou o projeto adequadamente.

Gerentes, o projeto é meio de vida e não meio de morte. Se estão assim com 25, como estarão com 45, 55, 65 ...

Por: Carlos Magno Xavier - magno@beware.com.br

  • 5 -  A Inovação e o Portfólio de Projetos

 “Nada é permanente, exceto a mudança” (Heráclito – Século VI a.C.)

A inovação precisa ser incorporada ao portfólio de projetos para que a empresa fique em permanente estado de mudança, permitindo o seu progresso.  Mas afinal, do que trata a inovação?

O significado de inovação vem do latim in+novare, significa “fazer novo”, renovar ou alterar. Inovar é a criar coisas novas ou rearranjar coisas antigas, mas de uma nova forma.

Ao selecionar a sua carteira de projetos, a empresa deve estabelecer a Inovação como um dos critérios de avaliação das propostas, como por exemplo na figura abaixo.

tabela 01

“Quando os ventos de mudança sopram, umas pessoas levantam barreiras, outras constroem moinhos de vento” (Érico Veríssimo).

Por: Carlos Magno Xavier – magno@beware.com.br

  • 6 -  As Balas de Prata no Gerenciamento de Projetos

bala prataA metáfora “bala de prata” se aplica a qualquer ação que tem uma extrema eficácia na solução de um problema. Existem centenas de publicações indicando o que fazer durante o gerenciamento de um projeto, levando os gestores a terem dificuldades em determinar o foco do seu trabalho e de sua equipe. Uma das consequências é a alta frequência com que os projetos não alcançam os seus objetivos. O professor Carlos Magno Xavier, para a sua tese de doutorado, realizou uma pesquisa, com 202 projetos no Brasil, para verificar a utilização de 106 práticas, nas dimensões Processo, Organização, Pessoas e Tecnologia, e sua relação com o sucesso do projeto. Essa tese, em premiação organizada pela Revista Mundo PM, foi escolhida o “Projeto Acadêmico do Ano de 2014”. Suas principais conclusões desse trabalho foram: a) trinta e quatro (34) práticas foram correlacionadas aos ótimos resultados ou de prazo, ou de custo ou para o negócio; e b) os resultados foram predominantemente influenciados pelo gerenciamento de “Riscos” e de “Pessoas” (Conhecimentos, Habilidades e Atitudes dos stakeholders em relação ao projeto).

Leia o artigo completo em: http://beware.com.br/academia/artigos/as-balas-de-prata-no-gerenciamento-de-projetos/

  • 7 -  Governança e Gerenciamento do Portfólio de Projetos

Mapa de Processos - PortfoliowareQual a diferença entre Governança e Gerenciamento do Portfólio? Como estabelecer a Governança do Portfólio? O que é o P4MO e a sua atuação na Governança e Gerenciamento do Portfólio? Qual o papel do analista estratégico de negócios? Qual a diferença na elaboração de propostas de projetos estratégicos top down X bottom up? Como determinar se uma proposta de projeto é adequada, exequível e viável? Como avaliar e priorizar projetos, estabelecendo categorias de projetos e critérios de avaliação de propostas? Como otimizar e balancear o portfólio? Como gerenciar a execução, monitorar e controlar o portfólio?

Para saber as respostas a essas perguntas, assista à palestra de Carlos Magno da Silva Xavier no 14º Seminário Internacional de Gerenciamento de Projetos do PMI-SP, que ocorrerá de 09 a 11 de novembro em São Paulo (http://sigp.org.br/).

Se precisar de uma visita a sua empresa para tratar desse assunto, envie e-mail para beware@beware.com.br.

  • 8 Se prepare para um mercado mais competitivo

Gerencie com sucesso seus projetos, programas e portfólio, se preparando para um mercado mais competitivo!

A Beware é especialista em consultoria e treinamento em gerenciamento de projetos, programas e portfólio, sendo reconhecida pelo Project Management Institute (PMI) como Registered Education Provider (REP). Nossos professores já ministraram cursos para mais de 12.000 alunos.

Conheça os nossos cursos, turmas abertas, para agosto e setembro de 2015, clicando no nome para acessar os detalhes. Temos descontos especiais para algumas Organizações conveniadas.

tabela cursos

Para maiores informações ou para solicitar uma proposta para uma turma In Company, faça contato com relacionamento@beware.com.br ou pelo telefone (21) 3603.0202.